INFORBUSINESS - Compartilhando o seu desenvolvimento profissional

Comespi realiza live sobre mindset para transformar 2021

A última transmissão remota do Simespi ocorreu na noite de ontem, 9, e abordou o tema: “Mindset transformador: Como ter uma mente em equilíbrio e em evolução em 2021″. Para a ocasião que foi comandada pela coordenadora do Conselho, Elisângela Libardi, a estudiosa quântica e reprogramadora mental, Eloísa Linck Vasconcellos falou mais sobre como se preparar emocionalmente para o próximo ano. “Precisamos nos preparar para 2021 de uma forma ativa, atuante e com a consciência pleno no aqui e agora”, iniciou Eloísa.

 

Acompanhe abaixo as perguntas direcionadas para a convidada.

 

Qual foi o maior impacto pessoal da pandemia na maioria das pessoas?

A restrição de ir e vir, a retirada da liberdade para o cérebro humano sempre foi considerada um castigo, encarceramento, ficar isolado como uma solitária uma punição maior que o encarceramento. São informações conhecidas para o cérebro, dai para mudar isso e dizer que ficar isolado é para o bem de saúde pessoal e publica o ser humano recebe como um grande choque.

 

Qual o pior sentimento que a pandemia despertou?

Sem dúvida o medo, o medo paralisa e ao mesmo tempo desperta os instintos mais primatas, o homem da caverna que existe dentro de nós reaparece. As atitudes ficam de medo de escassez, medo pela sobrevivência, medo da violência, medo de não ter a vida de volta, medo de fim de mundo….

 

Dada a anormalidade do isolamento o que pode se dizer que despertou de forma construtiva no meio disso tudo?

Aqui no Brasil somos conhecidos como um povo amistoso, caloroso, fácil de fazer amigos, mas isso não impede de termos grandes índices de solidão. Em países europeus isso está sendo tratado como uma questão publica a primeira ministra inglesa montou um ministério para cuidar da solidão. Na Finlândia existe uma entidade secular chamada Helsinki Mission, cuidam da solidão como algo muito importante, fizeram a campanha mostrando lugares vazios, comparando como é a vida de uma pessoa que sofre constantemente de solidão.

Veja que não estou falando de depressão que é algo que também está na pessoa que sofre de solidão.

As pessoas estão conectadas ao virtual e a geração hoje entre 16 a 22 anos está muito afetada pelo problema do isolamento real causado pela tecnologia, isso independente da pandemia. O olho no olho não pode ser substituído no nosso sentimental, no trabalho ok, mas no nosso arquivo de bem-estar emocional não, apenas é um paliativo de comunicação que encurta distancias, mas nada se compara ao estar presente e a conexão que acontece, entre as pessoas.

 

Vida diária trabalho e casa mudou e continuará em estado de mudança. Que você acha?

Bom no trabalho houve muita mudança, para as empresas que podem optar pelo home office pode ter causado um bom impacto, queda de custos com a diminuição de locais físicos, mas as que não conseguem, tiveram aumentos de gastos com as adaptações para a vida com Covid, em tese isso deveria ser melhor estudado por órgãos competentes de modo a dar mais incentivos as que precisam de maiores transformações.

Para o funcionário a carga horário de trabalho pode se unir às tarefas de casa e essas pessoas que não se organizarem, entrarão num looping toxico de stress por excesso de atividades.

Não se fala mais bem de pessoas multitarefas, precisamos ser flexíveis e assertivos, mas a atenção plena deve ser voltada para cada tarefa a fim de se ter um resultado ótimo. Assim a organização com a otimização do uso do tempo é um exercício diário. Dividir mentalmente a casa do trabalho, dos filhos e de vida pessoal.

Crianças tiveram a primeira grande alegria, não ir para a escola, depois veio a segunda surpresa triste – o professor estará o dia todo com você, kkkk. Alguns sem muito pratica e assim se passou o ano, os pais não podem se desesperar, cronologicamente este ano não pode ser tratado com tanto rigor no desenvolvimento das crianças, permita que flua. Sei que os vestibulandos sofrem mais, mas o foco deve sempre estar no que se quer e não no problema.

 

Como você acabou de falar a mente pede o que?

Foco nos objetivos, faça uma lista de desejos exequíveis para 30 dias, vai desde vontades até tarefas necessárias. Não me refiro a longo prazo, pois o mais importante nesta lista é passado os 30 dias você ticar o que conseguiu, se elogiar por isso e começar outra lista, sendo que tudo que deu certo e foi realizado a contento, coloque no começo da próxima lista como a sua lista de gratidão, depois coloque embaixo o que ainda quer e ainda não aconteceu e acrescente novas coisas.

Importante elogios, comemoração de pequenas conquistas.

Seu cérebro está sempre a espera desse dialogo entre você e ele e estará mais forte se você der um rumo otimista em sua vida.

Dê adeus ao homem da caverna, você está no comando de sua vida.

Somos altamente adaptáveis, a história mostrou o quanto conseguimos sobreviver a condições muito precárias.

A pandemia despertou a humanidade para a importância da vida, dos cuidados com a higiene dentro de um mundo moderno, novas regras de etiqueta entre as pessoas, cuidados com as finanças pessoais e o uso do dinheiro, os valores e hoje o distanciamento e não toque entre as pessoas são sinais de nova educação e respeito a você e ao próximo. A valorização da família, cuidado com os idosos, cuidados com a saúde e a preservação da vida, aumento de intelectualidade com leituras e passatempos pessoais, parece tudo muito básico, mas ainda é uma formula simples de uma vida saudável e evolutiva.

 

 A pandemia também despertou a impaciência, a violência, as brigas, os divórcios… 

 

Sim, mas note ela fez explodir uma bomba que já existia, se houve briga é porque já existia a raiz dessa briga, se houve divorcio é porque já estava no fim a união, se houve violência ela realmente veio, mas não foi apenas fruto do ambiente ruim, a violência é algo que se existe explode não tem como conter.

 

Os CEOs que você atende, com o que estão neste momento se preocupando?

Estão muito preocupados com a felicidade das pessoas que estão conectadas a sua empresa, todo o conglomerado que faz a missão dessa empresa ser algo real.

Estão reolhando a visão da empresa, pois tudo tem a mão humana, o toque que dá o diferencial vem das pessoas, todos os departamentos estão em estudo, identificando as necessidades de cada um nessa readaptação, buscando alternativas bem criativas e eficazes.

A mente para ter bons insights e criar precisa estar livre e o fato da pessoa estar presa em casa pode baixar muito a produtividade deste funcionário.

Faço muitos trabalhos para a o equilíbrio e harmonização pessoal e de grupos, voltados para o desenvolvimento pessoal e profissional.

Aumento de produtividade vem do bem-estar e do autocontrole mente-corpo.

Estão trabalhando exercícios mentais de limpeza de toxidades, atualização de arquivos de memoria, aumento de poder criativo e introspecção, meditação e mudanças de padrão de comportamento.

 

É possível fazer algo por nós mesmos e passarmos por tantas coisas sem trazer tantas sequelas?

Você estando em contato com seu interior será você e a constante atualização mental.

A mente espera por você, porque juntos mente e corpo e a pessoa no comando nos tornamos ilimitados, a reprogramação mental trabalha com seu cérebro e te atualiza dentro do que você se predispõe ser.

Você quem decide, pois é um processo de exercício diário que você levará para o resto da vida. Você no seu autocontrole e no seu auto comando.

Basta trabalhar a mudança de crenças, quebrar bloqueios e limitações, ter a consciência coerente a cada ato e vibrar no amor, na felicidade e na paz, parece estranho essas palavras em meio ao caos. Mas a felicidade vem de pequenas coisas, se eduque para sentir essa vibração, depois de ter essa onda de energia em você as coisas maiores ficam bem mais fáceis.

 

O que você acha que podemos levar como um lado irrefutável e de muito bom humor, nisso tudo!

 

Estamos aqui e sobrevivemos a tudo isso. Somos realmente os heróis de nossa própria história que a partir de hoje é nosso será o nosso legado. Tenha orgulho de você, não importa o que está acontecendo agora, tenha gratidão por sua saúde, tenha amor por você, busque na sua fé mais um impulso de energia e esteja sempre pronto a mudar, pois viver é uma transformação constante, células se regeneram sem parar, nosso metabolismo não para e eu que trabalho com o cérebro te falo que ele é o que vai até o ultimo instante de vida conosco, faça dele sua melhor companhia. Vibre com muito amor por você e transborde esse amor e só assim poderá atrair para perto de você semelhantes repletos de amor, paz, prosperidade e muita felicidade. Somos realmente o que pensamos, falamos e sentimos!

 

Lembrando que expecionalmente em 2020, por conta da pandemia de Coronavírus, os conteúdos que seriam ministrados presencialmente nos cursos oferecidos pelo Simespi foram transformados em lives para que o cronograma fosse seguido sem alterações.

Essa e todas as transmissões anteriores podem ser vistas no IGTV do Instagram (@simespi) ou no canal do Youtube (Simespi TV). Aproveite para revisitar os assuntos e compartilhar com seus contatos.

 

Eloisa Linck Vasconcellos –  é Engenheira, MBA-Comunicação, Relação com investidores, Finanças, Estudiosa de física quântica ligada ao desenvolvimento Psicoemocional, Reprogramadora mental, hipnoterapeuta, Palestrante e Facilitadora em treinamentos de desenvolvimento humano e dinâmicas mentais.

 

Sobre o Comespi- Lançado oficialmente em 2011, o Conselho da Mulher Executiva do Simespi (Comespi) é composto por empresárias, executivas, empreendedoras e profissionais liberais atuantes em empresas de qualquer ramo de atividade, as quais se reúnem para discutir a relação do mundo empresarial com o processo ambiental, social e econômico. A proposta do grupo exclusivamente feminino é trocar experiências, informações e conhecimentos.

 

Quer conferir essa Live na integra? Clique na foto abaixo e acompanhe!

 

 

 

Fonte: Simespi

Voltar