INFORBUSINESS - Compartilhando o seu desenvolvimento profissional
noiva

Piracicaba registra leve alta da inadimplência em março

Piracicaba registra leve alta da inadimplência em março

Por outro lado, a exclusão de registros foi positiva no período

 

Segundo a Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), o Indicador de Registros de Inadimplentes subiu 1,2%, em Piracicaba, na comparação entre março e fevereiro deste ano. Se comparado com março de 2017, o índice está praticamente estável, com sutil aumento de 0,3%.

Os dados podem caracterizar um cenário, de certa forma, esperado pelos bureaus de crédito para o primeiro trimestre do ano. “Por conta do Natal, novembro e dezembro são meses em que os consumidores compram com maior intensidade. Porém, em janeiro, fevereiro e março, eles se voltam ao pagamento de contas fixas, como IPVA e IPTU, e muitos acabam deixando a quitação das dívidas feitas no final de ano para depois, o que reflete no aumento da inadimplência”, explica o presidente da Acipi, Paulo Roberto Checoli.

“Mesmo com a elevação de 1,2% no índice, podemos seguir mais confiantes em relação à retomada da economia local. Estamos próximos ao Dia das Mães, data comemorativa que deve movimentar o comércio e o setor de serviços, sobretudo o gastronômico”, completa Checoli.

Além desses fatores, é preciso levar em conta o fim da obrigatoriedade do envio de carta com AR (Aviso de Recebimento) aos inadimplentes antes da inclusão de seus nomes em cadastros de negativação. Por ser um procedimento menos burocrático e oneroso, os empresários voltaram a incluir os registros com mais frequência.

 

RECUPERAÇÃO DE CRÉDITO – Apesar de o fim da necessidade da carta com AR ser um dos fatores para o sutil aumento da inadimplência, ele também pode refletir na elevação da recuperação de crédito, afinal, o consumidor passa a ter consciência dos débitos mais rapidamente e, assim, busca a quitação das dívidas. Na comparação com fevereiro/2018, o índice de recuperação de crédito cresceu 1,3%.

“A extinção da conhecida Lei da AR é, sim, positiva para os empresários, mas também para os consumidores. Com a carta simples, eles serão avisados mais rapidamente e terão a chance de reestabelecer o crédito de forma mais célere e, desta forma, reequilibrar as finanças. É importante lembrar que este movimento deve continuar a ser percebido no decorrer do ano”, aponta o presidente Checoli.

Porém, para traçar uma comparação entre os meses de março e fevereiro é preciso cautela. Fevereiro é mais curto que março e ainda conta com o Carnaval, que altera o calendário econômico do País. “Portanto, o aumento nas exclusões precisa ser acompanhado nos próximos meses e, então, delinear o cenário da inadimplência na cidade”, conclui Checoli.

 

ATENDIMENTO SCPC – Consumidores interessados podem realizar consultas gratuitas ao SCPC de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e aos sábados, das 8h ao meio, na sede da ACIPI, localizada à rua do Rosário, 700, no Centro. Quem preferir, pode ir até o escritório regional da entidade em Santa Teresinha, na rua Virgílio da Silva Fagundes, nº 538, sala 3. Lá, o atendimento é de segunda a quinta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 18h, e as sextas, das 8h às 12h e das 13h às 17h. A verificação é feita apenas pessoalmente e com apresentação de documento e identidade e CPF originais

 

MAIS INFORMAÇÕES: 3417-1766, ramal 739, ou scpc@acipi.com.br

Voltar